Recapitulando a trajetória B Gata H kei até aqui

Olá pessoal!! Bom, quem acompanha o blog deve ter percebido que eu sumi por um loooongo tempo. Então antes de tocarmos no assunto que nos interessa eu quero contar um pouco do porquê de eu ter sumido. Alguns dos principais motivos que me fizeram parar com as postagens foi o bloqueio mental que eu tive para produzir postagens interessantes junto com a imensa falta de vontade e preguiça, além disso quando eu vi que teria muitos capítulos do mangá para concluir o shipp fiquei bastante desmotivada (fala sério, um monte de capítulos só do Kosuda e Yamada enrolando é um saco!!), também eu tinha acabado de começar os meus estudos e não tive muito tempo pra isso, além de outros hobbies que eu tenho. Mas enfim o que importa é que eu estou de volta e tentarei ao máximo concluir logo B Gata H kei e passar para o próximo anime.

Ao longo do anime, e do mangá principalmente, teve bastante enrolação dos dois até eles saírem pela primeira vez, se beijarem até chegarem no quarto da Kyouka hahaha. A participação da Takeshita foi muito importante para o progresso de Yamada, como vimos, ela quem ajudou a Yamanda nos momentos de crise, a aconselhou e arranjava algum jeito dos dois se encontrarem. Por outro lado insegurança dos nossos pombinhos prejudicou bastante a relação, de um lado Yamada, que sempre falhava em alguma atitude, ou fazia as coisas de uma maneira inusitada ou não fazia, algumas vezes dava até certo, podemos exemplificar com o primeiro beijo deles, o lance da calcinha, entre outras. Do outro lado temos Kosuda, acovardado, passivo e submisso demais (chega a dar raiva!!), não colocava suas vontades em primeiro lugar, tanto é que quando ele tomava atitude era um milagre, eu só lembro de duas vezes no anime e uma vez no mangá que ele agiu como macho, no caso foi a declaração dele, o abraço que ele deu na Yamada, no segundo episódio, e o segundo beijo que ocorreu no mangá (se você lembrar de alguma outra cena comente!!).

Tivemos algumas cenas bem tristes e outras bem românticas, as minhas cenas favoritas são a do abraço e a cena da chuva. Já as piores cenas são a da declaração do Kosuda, quando ele pede uma resposta à Yamada e ela fica fugindo dele, não foi legal. E do encontro dos dois quando o Keiichi atrapalhou tudo, a cena inteira eu odiei!! Fiquei revoltada, com a cara de pau dele e com a falta de ação do Kosuda, que ficou praticamente de vela no seu próprio encontro!! Yamada também poderia ter mandado ele ir embora, mas não fez!!

Cena do abraço

Cena fofa da chuva

episódio 10 parte 01

episódio 08 parte 02

No anime tem outros casais que eu apoio bastante, por exemplo, o Akimoto com a Kobayashi, no mangá ele demonstrou diversas vezes que tem interesse nela, os dois tem uma personalidade meio desprezível, Kobayashi muito interesseira e o Akimoto, egoísta e invejoso. Outro casal que eu apoio bastante é a Katase e o Shuinichi, os dois são meio figurantes, não sei muito sobre o Shuinichi, mas na descrição do personagem diz que ele tem uma queda por ela. Espero que a Katase possa superar seus traumas e dar uma chance para o coitado hahaha. Eu sei que esse shipp é meio inusitado, contudo, eu apoio a Mayu com a Kazuki, não sei porque, mas acho elas duas muito fofas!!

Esse foi só um resumo da história, se você quiser saber mais sobre, eu recomendo que assista o anime e se tiver paciência, leia o mangá, lá tem alguns capítulo bastante interessantes e podemos saber mais sobre os personagens.

Bye Bye (^.^)/

🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒🍒

Autor: Jessy

Meu nome é Jessyca Oliveira, tenho 21 anos, atualmente curso Letras-inglês pela Universidade do Estado do Rio Grande do Norte. As pessoas dizem que eu sou doidinha, mas para mim eu sou apenas eu mesma. Eu sou bastante curiosa e sempre estou em busca de novos conhecimentos e hobbies, por isso acabo aprendendo muito sozinha, isso é bom!! Por outro lado eu costumo não levar muitas coisas adiante, pois sempre estou mudando, gostando de novas coisas e deixando algumas coisas que eu gostava de lado. Isso é triste, você me entende?! A inconstância é parte da minha personalidade e eu gosto de deixar as coisas fluirem, não gosto de me forçar a nada. Nem vou citar meus gostos aqui pois acho que da próxima vez que olhar pra essa descrição eu vou ter mudado de novo hahaha, inclusive eu sempre estou mudando essa descrição!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: